domingo , 19 agosto 2018
Cachoeira do Furlan e  Trilha no Parque Nacional do Forno Grande

Cachoeira do Furlan e Trilha no Parque Nacional do Forno Grande

Você conhece Castelo?

Então lá na encosta da montanha como se uma grande muralha se fosse, porém mais se parece um grande forno iremos montar nosso acampamento de Dezembro, um lugar aconchegante com pessoas muito simples e humilde estará vivenciando aquilo que a natureza nos beneficiou.

Trilhas, belas paisagens, nascentes fluviais limpíssimas, piscinas naturais, e uma visão de Pedra Azul como você jamais viu. Parece outro lugar, mas estou falando do Parque Estadual do Forno Grande.

Assunto: Vista da PEdra de Forno GRande;Local:Parque Estadual de Forno Grande, Castelo, ES ;Data:04/2008 ;Autor: Palê Zuppani

Novamente uma pergunta. O que você conhece do 2º ponto mais alto do Espirito Santo? Com 2039 metros de altitude. Além das quedas d’agua e trilhas, o Forno Grande abriga sua fauna com animais às vezes inexistente em nossa cultura, onça parda, jaguatirica, macacos de diversas raças como o mono carvoeiro entre aves e demais animais silvestre que pode ser visto na sede do parque embalsamado.

Parece  pequena, mas no topo dessa montanha, abriga uma floresta com aproximadamente 300m, que segundo o pesquisador Augusto Ruchi, estamos falando da maior floresta  de altitude do mundo.

E o que vamos fazer lá?

O parque tem uma trilha com varias bifurcações, levando o turista a vários pontos, entre eles o Poço Amarelo (Um aglomerado de piscinas naturais com profundidades distintas, com uma coloração muito diferente devido à quantidade de ferro que contem na água, mas isso não impossibilita ao visitante de se banhar nas suas aguas). Outro ponto que visitaremos nessa trilha será a Cachoeirinha nome dado à cachoeira que se encontra no inicia da trilha com aproximadamente 30 metros, com tempo chuvoso sua queda lhe proporciona belas fotos.

E no final da trilha teremos um mirante natural que devido a sua vista privilegiada para um do mais belo cartão postal do Espirito Santo, herdou o nome de Mirante da Pedra Azul. De lá é possível ter uma vista panorâmica de Castelo, Venda Nova do Imigrante, Domingos Martins e Vargem Alta. Sendo possível avistar também lugares como Pedra Azul, Itabira, Frade e a Freira e o Pico da Bandeira, o maior cume do Espirito Santo.

Esta bom? Sim, mas ainda não acabou. E o acampamento?

Acabei me empolgando com tanta beleza em um lugar que me esqueci do principal objetivo, após a trilha, iremos embarcar novamente no ônibus e iremos fazer o trajeto até o sitio da família Furlan, me recuso a falar, pois sou suspeito em dizer algo, mas quando fomos visitar e fizer o roteiro nossa então amiga Karina Cruz citou a seguinte frase que eu não esqueci, estávamos sim com fome, e já era tarde, pois saímos de Vila Velha um pouco atrasado para constar o Wesley atrasou para pentear seu cabelo. Mas vamos a uma da melhor parte. Como já era tarde não tinha mais almoço, tarde eu digo 14 horas estamos falando do interior né, chegamos ao sitio e a senhora Furlan nos recebeu com um sorriso enorme nos dando as boas vindas.  Apresentamo-nos para ela se lembrar da ultima vez que tínhamos ido ao sitio dela e já fomos perguntando ainda tem almoço? Novamente ela com o sorriso gigante disse que não, mas, com fome não iriamos ficar porque iria providenciar uma porção para matar a tão grande fome que estávamos, enquanto ela providenciava a porção já pensávamos na janta, por que comer é nosso primeiro hobby depois aventuras, fomos a um vilarejo a um quilometro dali e compramos a única carne que havia no frízer da dona da mercearia que por sinal era sobrinha da senhora Furlan.

Nesse trajeto a tal frase da Kaká “esse lugar poderia ser o pior do mundo, o que não é, mas só a recepção dessa senhora já pagava tudo o que se tem aqui” rsrsrs menos o almoço porque ela só pensava em comer entao deu tudo certo pois o lugar é esse Então chegou a hora do nosso almoço, enquanto fomos buscar a carne o Anilson ( Índio baiano) e o Welington o come come das estrelas havia montado o acampamento. Nesse momento deu  agua na boca escrevendo aqui e  lembrando daquele arroz não era a fome era o sabor sem igual, de fato o melhor que eu já comi nosso almoço foi delicioso.

Estamo-nos com a tarde livre só para contemplar a beleza daquele camping, com aquela cachoeira ao lado, coisa de louco um lugar magnifico uma beleza digna de ser situada em um lugar chamado Castelo.A cachoeira ainda seria nosso parque de diversão do dia seguinte, onde iriamos fazer aquilo que mais gostamos em uma aventura, receber as energias vindas da adrenalina do rapel. A noite fomos fazer nosso churrasco  a família nos emprestou a churrasqueira, o churrasqueiro e a família deles, isso mesmo eles iriam fazer um churrasco e chamaram nós para participar com eles, e é claro aceitamos.

Ai nem posso contar que os cachaceiros se fartaram beberam todas e no outro dia acordamos cedo tiramos muitas fotos enquanto o Senhor Furlan tirava o leite no curral, para o café da manhã.

O Café da manhã só parou de trazer comidas quando falamos que não precisava mais pois a Senhora Furlan não queria parar.

Fizemos então após o café da manha nosso rapel, 62 metros dentro d’água com uma inclinação quase 90 graus, um banho e tanto para curar a ressaca dos que beberam a noite.O que não será diferente em nosso acampamento.

Nosso acampamento de Dezembro.

Sairemos da grande Vitoria do Terminal do Ibes Vila Velha e iremos para o Parque Forno Grande  pela BR262 sentido Pedra Azul.

Faremos a trilha até o mirante passando pela Cachoeirinha,  Santinha, Poços Amarelo, no retorno iremos embarcar no ônibus  e iremos para a cachoeira do Furlan, lá almoçaremos e  montamos o acampamento e a noite faremos muitas brincadeiras  e o nosso churrasco, no dia seguinte após o café da manha iremos fazer o rapel.

Será um fim de semana especial, com muita diversão, imagem deslumbrante e uma amizade que jamais se esquecerão, além de muita adrenalina.

Passeio feito para todas as idades, desde crianças até idosos com algumas limitações no rapel que não é muito viável a criança com menos de 10 anos.

 

2 comentários

  1. Mais um acampamento da Equipe Lagarto Adventure que pude participar e mais uma vez estão de parabéns. Cuidaram de cada detalhe para proporcionar aos participantes um final de semana com muita aventura e alegria. Adorei tudo!!!

    • Sempre sei que por mais que trabalhamos para fazer tudo bem, só é possível se pessoas como vocês tiverem nos ajudando, obrigado pela confiança.

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados *

*